Uma parceria com o SEBRAE, Escritório Local da EMATER-RIO e Secretaria Municipal de Agricultura de Porciúncula viabilizou a realização do 1º Curso de Introdução à Classificação Física e Sensorial do Café.
O curso foi realizado na sede da Associação de Produtores de Fortaleza, microbacia do Ouro em Santa Clara, 3º distrito, pela empresa Caparaó Júnior, da incubadora do IFF de Alegre-ES , contratada através do SEBRAETEC, nos dias 16, 17 e 18 de maio.

Foram capacitados 15 produtores e produtoras de café, que passaram a ter conhecimento inicial de como é importante preparar de maneira adequada o café a partir da colheita.
O professor Pavesi e sua equipe demonstraram durante a capacitação que é possível produzir cafés especiais em nosso município e região. Esses cafés, acima de 81 pontos, são comercializados nos mercados compradores com o preço variando entre R$ 750,00 até R$ 3.000,00 (acima de 90 pontos).

O secretário de Agricultura Valdo explica que em nossa região hoje os cafés “bebida dura” estão sendo comercializados por R$ 450,00. “Com os cuidados adequados a partir da colheita, podem representar um aumento de até 50% na renda dos pequenos produtores da região”, afirma o secretário.

Esta capacitação faz parte do Programa de Melhoramento da Cafeicultura do Alto Noroeste Fluminense, e é uma importante ação conjunta das Prefeituras de Porciúncula , Bom Jesus do Itabapoana e Varre-Sai , SEBRAE, EMATER-RIO, SEAPEC e MAPA.

Rosimere Ferreira
Assessoria de Comunicação

Anúncios